> > >

quinta-feira, 18 de abril de 2013

REZAR PARA DEFUNTOS E CONFESSAR-SE A PEDÓFILOS



sara pepe: - adianta ser fundada quando surgiu a terra e adorar a criatura ao invéz do criador.... seita p/ mim é igreja que seita rezar p/ defunto, acender vela p/ santos até dos pau dgua...confesar pecado a pedófilo, defunto  virá santo por homens pecadores, e ainda subir e descer escada atraz da santa DESAPARECIDA, adorar santo macumbeiro são jorge, e ainda pegar nas pelotas do rozario p/ ficar repetindo palavras vã... e DEUS aonde fica nessa igreja verdadeira.  então o diabo inspirou lutero mas ele cometeu um erro pq ñ enssinou lutero idolatrar......rsrsrssrr





A querida amiga parece mais enrolada que múmia egípcia!

É claro que a Igreja Católica continua a  religião de Israel, verdadeira sim, porque revelada por Deus. Por isso podemos com toda segurança afirmar, que ela vem desde Adão e Eva Aquela estrutura arcaica dos hebreus ficou com seus líderes que não somente não reconheceram o Messias, como também o levaram à morte.

A VINHA DO SENHOR, a despeito dos vinhateiros deicidas, resplandece na fé católica com seus papas, bispos, presbíteros, diáconos, mártires e santos:

A VINHA DO SENHOR RESPLANDECE GLORIOSAMENTE NA SANTA IGREJA CATÓLICA

"Por isso vos digo: ser-vos-á tirado o Reino de Deus, e será dado a um povo que produzirá os frutos dele"(Mt 21,43);

 "Simão narrou como Deus começou a olhar para as nações pagãs para tirar delas um povo que trouxesse o seu nome". (At 15,14) 


Muitos desses papas foram perseguidos e martirizados - os 26 primeiros, exceto o penúltimo, foram seguidamente executados pelos imperadores romanos -, os primeiros 54, com exceção do 50º foram todos declarados santos e posteriormente a esses, mais trinta e seis foram canonizados. E há até alguns que de santo nada tinham. Pelo contrário, "praticaram horrores", o que motivou esta frase de Leão XIII cheia de estupefacção dirigida ao historiador protestante Ludwig von Pastor (1854-1928) que havia pesquisado por anos os arquivos do Vaticano:

- Mas, Professor, antes de conhecer por dentro os horrores praticados por antecessores meus, o Sr. era contra a Igreja Católica, e agora, que conhece tudo documentadamente, quer ser católico? Não estou compreendendo sua atitude.

A resposta de Ludwig von Pastor foi muito interessante:

- Santidade, eu me convenci de que a Igreja Católica é realmente uma instituição divina. Se nem Papas conseguiram destruí-la, é porque é divina mesmo!

A IGREJA CRISTÃ PARA SER VERDADEIRA TEM QUE SER APOSTÓLICA E NÃO NASCIDA A PARTIR DO SÉCULO XVI

E ESTA é a Igreja Católica, a única que cumpriu fielmente a ordem de Cristo:

"...Ide, pois, e ensinai a todas as nações; batizai-as em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Ensinai-as a observar tudo o que vos ordenei. Eis que estou convosco todos os dias, até o fim do mundo" (Mt 28, 17-20).

Observe que os discípulos saíram por toda parte  ensinando tudo o que Cristo havia prescrito e isto sem dispor de uma única linha escrita do Novo Testamento. Portanto tudo o que a Igreja ensinava a este respeito vinha de sua própria autoridade e não da Bíblia cuja parte principal foi por ela escrita.

Além disso foi ela que levou a luz de Cristo às mais longínquas partes da terra; foi ela que converteu romanos e Bárbaros, o Oriente Médio e o Norte da África; foi ela que levou a instrução a todo lugar em que se firmou, com inúmeras escolas paroquiais e universidades.

A isso, que já não é pouco, acrescente que é somente nela que se verificam milagres, prodígios e portentos verdadeiros, porque esses podem ser meticulosa e cientificamente examinados de tal forma que os peritos analistas não conseguem provar a causa natural que os produziu:

 "Os discípulos partiram e pregaram por toda parte. O Senhor cooperava com eles e confirmava a sua palavra com os milagres que a acompanhavam" (Mc 16,20)  

Quanto aos evangélicos, coitadinhos! Nenhum é capaz de mostrar pelo menos o relato de um milagre que tenha suportado tal bateria de testes, porque as coisas que propalam existir em seus meios, consideradas milagres, não passam de reles enganos (as pessoas são propensas a acreditar no maravilhoso e, não raro, acabam sendo enganadas), e, quando não, o que veem não passa de truques, auto sugestões e simulações:

Parece que o vídeo foi tirado do Youtube
Esta imagem à direita foi copiada de um vídeo pelo qual os evangélicos pretendiam apresentar-me "a vivo e a cores" o surpreendente crescimento de um braço atrofiado. Repare o detalhe que descobri: a diferença das mangas do ator que simula o "milagre" corresponderia à das mãos, não fosse o deslisamento natural do tecido quando ele retrai o ombro para fazer parecer que se tratava de um aleijão.

Há também os casos de falsas curas provocadas por meios hipnóticos, tal foi o caso de uma senhora chamada Severina que se converteu à Igreja Adventista porque dizia ter sido curada de um câncer, já que depois de uma sessão de curas

nunca mais sentiu os sintomas da doença. Quando fui visitá-la - ela morava neste mesmo bairro que moro - já estava acamada por causa da terrível doença que, sem os tratamentos necessários, progrediu rapidamente.

Prova disso é minha amiga d. Mercedes, residente à Rua Botafogo, Jd. Novo Horizonte que também a conheceu. Se, porém, você quer algo mais conhecido dessas "curas" evangélicas, temos um caso de domínio público. Trata-se da filha do Pelé, a Sandra, evangélica fervorosa, que foi igualmente enganada com essa "cura evangélica". Nem é preciso dizer que ambas as "miraculadas" morreram, mais em decorrência da falta de tratamento que propriamente da doença. E há muitos outros casos de falsas curas entre as quais a da chamada "Missionarinha", uma menininha de poucos anos, que levou ao engano a muitos, dentre os quais, o mais grave foi este:



Os enganos e truques não param aqui. Veja estes outros que fui observando e anotando:





Caríssimo leitor, você acha que isso é tratar seriamente de coisas santas? 

E por que os pastores e seus seguidores se recusam terminantemente a deixar que "seus milagres" sejam cientificamente examinados da mesma forma que procede a Igreja Católica?  A resposta é óbvia: É porque sabem que tudo não passa de enganos e falsidades. Para se justificar vão dando as mais extravagantes desculpas. Veja isto:



PARA AS DEMAIS QUESTÕES CONSULTAR:

1. Padres pedófilos:
2. Adoração de santos:

3. Vãs repetições:



.


Nenhum comentário: